Turmas do EJA também participam do projeto de Punhobol

Na noite da última quarta-feira, 8, foi realizada na Sociedade Ginástica a solenidade de abertura do projeto Legal é Punhobol nas Escolas e Comunidade com alunos do EJA (Educação de Jovens Adultos).

Participaram da cerimônia o gestor da SGNH Marcos Bock, a diretora do departamento de punhobol da SGNH Silvana Nerys, os coordenadores do projeto Jorge e Deise Reck, a diretora  de Educação da SMED Eliane Anselmo ,representando o Secretário de Educação do Município, o assessor de Educação Física da SMED, Daniel José Klein, a assessora Pedagógica do EJA, Ana Lúcia Orengo Guiel, o instrutor de punhobol do projeto, Renan Maiocchi Braga, o professor da escola Marlon Lucchini e 17 alunos.

A turma piloto será da escola EMEF Eugênio Nelson Ritzel. A oficina acontecerá toda a quarta-feira no horário das 19h as 21h, no ginásio da escola e campos de punhobol do Clube, em dias alternados.

As aulas serão ministradas pelo professor Renan Maiocchi Braga, Capacitado em Punhobol Escolar.

A coordenadora Deise Heck ressaltou a felicidade em mais este projeto: “Mais alunos terão a oportunidade de praticar punhobol. Já conseguimos ver nesse primeiro encontro a animação e o desempenho deles”, destacou.

A professora Ana Lúcia Orengo Guiel destacou a importância do projeto para os alunos: “ O punhobol vem como uma atividade para somar  no crescimento e formação integral dos jovens”, definiu.