SGNH decide Estadual Mirim em casa no próximo domingo

No próximo domingo 1º de dezembro, às 15h a equipe da Sociedade Ginastica de Novo Hamburgo/Pref. Mun. de Novo Hamburgo decide o campeonato estadual Mirim de Handebol contra a equipe do Santa/Feevale. O jogo acontecerá no Ginásio da Sociedade Ginástica.

Líder geral da categoria após vencer todas as partidas na primeira fase (SGNH 20 X 05 SANTA; SGNH 14 X 04 CHCC; SGNH 16 X 02 UCS) e vencer todas as partidas da segunda fase (SGNH 15 X 02 UCS; SGNH 12 X 05 CHCC; SGNH 14 X 03 SANTA) a equipe ginasticana chega até a final com 100% de aproveitamento, uma campanha irretocável, segundo o regulamento da Federação Gaúcha de Handebol deve acontecer uma partida de confirmação entre o 1º colocado geral e o 2º colocado geral, onde o 1º colocado joga a partida final por um empate para sagrar-se campeã.

A equipe da SGNH, nos últimos três confrontos contra o seu adversário da final,  teve duas derrotas para a equipe do SANTA/FEEVALE, na metade do mês de outubro na final da copa Sociedade Ginástica. E na Copa Mercosul de Clubes, e uma vitória na primeira fase da Copa Sociedade Ginástica. A equipe treinada pelo por André Furtado chega a decisão jogando em casa: “A nossa equipe amadureceu bastante, porém vale ressaltar o crescimento técnico do nosso adversário, uma partida única decidirá o campeonato embora tenhamos a melhor campanha e o melhor desempenho, o jogo de domingo se torna de alto risco, pois uma derrota nos tira o título tão importante para as atletas e para o nosso Clube. Jogaremos domingo com a mesma raça e determinação de sempre, porém vale ressaltar que enfrentaremos um grande adversário e qualquer resultado pode acontecer em uma partida final”, destacou o comandante.

A equipe ginasticana conta com atletas captadas do projeto da Sociedade Ginástica para o desenvolvimento do esporte no município, as mesmas eram treinadas nas escolas São Jacó, Nilo Peçanha e Ceclilia Meirelles e foram captadas pelo professor André e hoje integram a equipe ginasticana.

“Temos 5 atletas nascidas no ano de 2001, 3 atletas nascidas em 2002 e 3 atletas nascidas no ano de 2003. O projeto não somente é importante para nós, mas para as 100 crianças atendidas nas escolas e para o desenvolvimento do esporte. Fazer uma base forte é o que nos garante um futuro esportivo promissor pois podem ser “fabricado” em casa e o carinho e dedicação adquiridos dos atletas pela instituição pode fazer a diferença em momentos decisivos”, declara André.

A equipe conta além do apoio da prefeitura municipal, ainda com o apoio da Marrone, Gomes da Costas, Lumacor e Bib’s.

Estadual 24 de Agosto 2013 mirin 3